Promova a saúde: cuidados essenciais para mulheres a partir dos 40

Manter um corpo saudável é um desafio em qualquer idade. Entretanto, após os 40 anos, o corpo da mulher passa por uma série de mudanças hormonais e metabólicas que demandam uma atenção um pouco maior.

Pensando nisso, separamos a seguir alguns dos cuidados a partir dos 40 essenciais para as mulheres! Continue lendo e confira tudo sobre o assunto!

Realize exames periódicos

É bastante importante que mulheres de todas as idades estejam sempre em dia com seus exames e consultas médicas de rotina. A partir da quarta década de vida, os riscos do desenvolvimento de algumas enfermidades se tornam um pouco maiores, o que justifica uma maior necessidade de se manter em dia com as consultas médicas.

Os exames de mamografia e papanicolau são exemplos de procedimentos fundamentais para a prevenção de câncer. Mulheres com mais de 40 anos passam a integrar grupos de risco para o desenvolvimento de alguns tipos da doença, o que demanda uma atenção maior à realização dos exames preventivos.

Também é bastante interessante que sejam realizados exames de sangue periodicamente, a fim de medir níveis de glicose e colesterol com o objetivo de prevenir o desenvolvimento de diabetes e doenças cardiovasculares.

Além disso, com a devida assistência de um endocrinologista, é essencial observar os níveis hormonais do organismo, tendo em vista que a idade da menopausa se aproxima e, com a devida orientação médica, é possível amenizar os seus efeitos e promover maior bem-estar para a mulher.

Cuide da alimentação

Estar mais atenta à alimentação também é fundamental para a promoção da saúde após os 40. Com o envelhecimento, é natural que haja uma progressiva queda no metabolismo corporal, o que pode tornar processos como o emagrecimento mais difíceis, por exemplo.

Além da necessidade de uma alimentação balanceada de proteínas carboidratos e lipídios, é extremamente importante que a mulher esteja atenta à ingestão de um mineral essencial para a integridade dos ossos: o cálcio.

É inevitável que, com a queda dos hormônios femininos ao longo do processo da menopausa, a absorção desse mineral decresça, o que explica a maior incidência de osteoporose em indivíduos do sexo feminino. Assim, é muito importante controlar os níveis de cálcio nesse período, de modo a preservar a saúde dos ossos durante a velhice.

É essencial que, sempre que possível, seja consultado um médico e/ou nutricionista, para averiguar as necessidades nutricionais do organismo, bem como para organizar uma dieta mais saudável e sem exageros.

Pratique atividades físicas

Além do investimento na alimentação, é muito importante incluir na rotina a prática regular de atividades físicas. Essa necessidade se agrava com o aumento da idade, uma vez que aumentam os riscos de desenvolvimento de doenças cardiovasculares e respiratórias.

Por isso, o ideal é que sejam feitas atividades físicas de nível moderado a intensa de 3 a 5 vezes por semana, para prevenir o desenvolvimento de doenças e estimular o metabolismo corpóreo.

Investir tempo e atenção na saúde do corpo pode significar uma melhoria extremamente relevante na qualidade da mulher ao longo da vida, excepcionalmente na velhice. Dessa forma, é fundamental que, depois dos 40 anos, medidas como essa sejam realizadas com bastante disciplina e determinação. Claro, alimentação, exercícios e exames são importantes durante toda a vida da mulher, mas nenhum desses três eixos pode ser negligenciado depois dos 40. Os benefícios são sentidos todos os dias!

E aí, gostou do post? Siga nossa página no facebook para acompanhar a divulgação do nosso conteúdo!

Comentários

Posted by Dra. Cristina Carneiro